ASTRAL | Horóscopo Novembro

POR @ALINE_M_TRINDADE

No dia 1 de novembro Vênus saiu do signo de escorpião e foi para Sagitário. Um empurrão pra quem estava cabisbaixo, com medo de se relacionar ou perturbado por relações passionais e tóxicas. Agora entramos numa fase de novas aventuras, entusiasmo, expansão de horizontes e sorte.

Acontece que nem tudo são flores. No período que vai do dia 31 de outubro até 20 de novembro atravessarmos mais um Mercúrio Retrógrado. De todas as retrogradações dos planetas essa é a mais temida e famosa. É que Mercúrio representa o nosso elo de ligação entre a humanidade e "os deuses". Ou seja, o poder de comunicar, negociar, fazer transações.

Isso quer dizer que períodos de Mercúrio Retrógrado (acontece de 3 a 4 vezes por ano) são propícios para a introspecção, meditação, para observar e trabalhar onde você foca a atenção. Leia e releia seus textos, contratos, cuidado ao fechar grandes negócios. Outro aspecto bastante comentado é o poder de trazer relações do passado de volta. Sim, é época de "Oi, sumida". Caso você não queira incomodação o conselho é bloquear alguns contatos.

Esse período é marcado por Mercúrio no signo de Escorpião, acompanhando o Sol e a lunação. Um mergulho intenso, em direção aos segredos mais profundos do ser. Que podem revelar medos, desejos, ressentimentos, traições e uma série de informações transformadoras. É uma pequena morte para renascer em breve no Sol em Sagitário.

 

 

Apesar das boas intenções muitas vezes as pessoas que nascem com esse Sol não são muito bem compreendidas em suas ações. Isso estará em cheque neste período de Mercúrio Retrógrado, principalmente no que tange a sua comunicação. Tenha claro os seus objetivos para não gastar energia sem necessidade. Não é hora de lançar novos projetos, ao contrário, é um momento propício para se preparar. Estude e prepare-se para no final do mês voltar com força total no seu elemento fogo com o Sol em Sagitário.

 

 

Escorpião é o seu oposto complementar e do jeito que estão os astros os touros não estão caminhando sobre as pastagens mais verdejantes. O agito é interno. O mote da vez é deixar ir, trabalhar o desapego e isso é complicado para seres que tem uma relação de posse com tudo que os rodeiam (pessoas, bens materiais e até situações). É hora de fazer uma autoavaliação, parar de mentir pra si mesmo e, no final do mês traçar novas e refrescantes aventuras quando Sagitário chegar. É hora de mudança. Pegue seu bumbum pesado e mexa-se para uma vida melhor!

 

 

O seu mentor, Mercúrio, está passando pela retrogradação e sua cabeça deve estar um caos. Agora é altamente recomendado fazer o que até então era impensável: parar e refletir. Use o poder da introspecção, evite envolver-se em polêmicas, trabalhe com o silêncio ao seu favor. Isso será compensado no final do mês e seus inúmeros interesses e projetos agradecem. O desgaste mental, o debate, nada que o tire do centro é favorável. Encontre meios de olhar para dentro de si e ache a sua verdade.

 

 

Talvez você esteja sentindo necessidade de entrar no casulo e, saiba, dessa vez pode ser necessário. Algumas feridas ainda doem, você precisa reavaliar situações de vida e, também, alguns dos seus relacionamentos. Como o período não favorece a interação social, a exposição de ideias, o mergulho interno é favorável, mas, quem sabe, você não queira buscar um auxílio externo? O eterno jogo de se doar para manter os afetos por perto mais o desgasta do que o favorece. Aproveite para romper com esse ciclo.

 

 

Você prefere ser feliz ou ter razão? Sim, você odeia esse ditado, óbvio que prefere ter razão, ter razão é a sua felicidade. Será? Olhe em volta. Veja quem permaneceu na sua vida? Quais das suas emoções você não está sabendo lidar e projeta no seu grupo de apoio? Agora é o momento de questionar a sua intransigência, crenças e certezas, que podem prejudicar as suas relações. Não tome decisões definitivas e nem precipitadas no período de Mercúrio Retrógrado. Agora, aproveite sim para rever alguns pontos e aparar as arestas de situações conflitantes que precisam de ajustes.

 

 

Assim como os nativos de Gêmeos o povo com Sol em Virgem sofre um bocado quando Mercúrio está em movimento retrógrado. Ao invés de sofrer seja perspicaz e evite o desgaste. Troque o disco, mude de assunto, aproveite para mergulhar nos estudos e no autoconhecimento. Explore as suas emoções e desejos mais profundos. Quando o final do período chegar e o Sol entrar em Sagitário às chances de uma reviravolta positiva são grandes. Nada dura para sempre e você veio para esse mundo para se aperfeiçoar. Coragem!

 

 

Agora parece ser o momento adequado para colocar as suas prioridades em dia. Aproveita que a pressão diminuiu, que o pior já passou e tá todo mundo tratando de assuntos internos. Com calma escolha dentro de você o que trabalhar, para onde ir e sem nenhuma pressa de colocar em prática, medite sobre o assunto. É um tempo de redescoberta, resgate, você mergulha no profundo do ser e sai forte. As pessoas que se foram podem retornar. Inclusive aquele seu relacionamento interminável com aquela pessoa com a qual você tem uma forte dependência emocional. Lucidez é a chave. E, discernimento.

 

 

Esse momento é seu! Claro, podia ser bem mais pleno se Mercúrio não estivesse retrogradando no seu signo, mas, tudo bem, você tira de letra. Você está num caminho de redescoberta do próprio poder, principalmente o pessoal. Porque ao tentar exercer poder sobre os outros você se perde, machuca e acaba causando situações incômodas com as pessoas. Aproveite esse período de revisão e quebre o ciclo negativo que o prende ao velho. No final do período as aventuras do Sol em Sagitário te esperam e talvez você sinta vontade de explorar o mundo. Viver é bom. Tenha fé.

 

 

Não existe coisa mais certa para os nativos de Sagitário agora do que cair de corpo e alma nos estudos. O mundo lá fora até o final do mercúrio retrógrado está muito confuso, você pode facilmente se envolver em confusão, o melhor é evitar o desgaste. Claro, não precisa virar uma pessoa reclusa, até porque isso é impossível para o ser mais agitado do grupo de amigos. Deixa pra fazer festa e curtir as novidades no final do mês, agora é hora de redescobrir os seus objetivos.

 

 

A sua força de trabalho parece inesgotável mas até você sabe que precisa dar um tempo. Existem projetos que talvez não valham mais a pena. Você pode ter chegado a um ponto de desgaste no trabalho, estudos ou vida pessoal. Agora é um bom momento para descobrir no seu íntimo o que toca o seu coração. O esforço é menor quando conduz para uma vida que esteja de acordo com os seus sonhos. Talvez o caminho tenha mais percalços, menos ganhos materiais, mas, em tudo isso, a determinação do Capricórnio dá um jeito. Não leve muito tempo girando os pratos. Nem tudo está destinado a funcionar. Siga em frente com leveza!

 

 

Talvez seja difícil pra você assumir esse seu lado controlador, mas seria uma boa fazer isso agora. Sinta mais as emoções, conecte-se com o fluxo da vida. Entenda que nem todas as pessoas possuem a sua visão vanguardista e por isso mesmo o mundo ainda é um lugar atrasado. Estude a possibilidade de contribuir com a comunidade com os seus conhecimentos. Tenha em mente que você estando bem auxilia e serve de esteio para o avanço de muitas outras pessoas. Suas relações são importantes e precisam da sua atenção, mas esse mês preocupa-se um pouco mais consigo. Priorize o seu bem estar e tente não se envolver em polêmicas.

 

 

Peixes: Essa é aquela hora que a pressão social de final de ano começa a tocar fundo no coração pisciano. Aproximam-se as reuniões de família, os compromissos, então, tendo isso em mente, tire esse período de retrogradação para se fortalecer. Se está impossível tirar umas férias aumente os cuidados consigo. Descanse. Coloca uma rede no meio da sala, faça uma viagem rápida para o litoral, tudo para chegar em dezembro firme e forte para o que o espera. Procure não criar compromissos extenuantes, os que vierem encare de forma prática e atente para indivíduos que querem lhe puxar para o drama. Agora é importante exercer a sua sacra individualidade.

__

Interessada e sensível aos astros desde a mais tenra idade, Aline Micelli começou a ler oráculos com 11 anos. Estudou astrologia Maia e Tradicional com diversos professores e de forma autônoma. É professora de Yoga, formada em Jornalismo pela PUCRS e Porto-Alegrense.